Por Filipe Andrade em agosto de 2017

Em entrevista à revista Mega Visions, Stefano Arnhold, presidente da Tectoy, respondeu várias perguntas feitas pela revista. Entre elas, podemos destacar duas perguntas muito interessantes sobre a possibilidade da Tectoy exportar o seu novo Mega Drive, e sobre a possibilidade de algo muito pedido pelos fãs: um relançamento do Sega Saturn ou do Dreamcast.
O presidente da empresa respondeu o seguinte sobre a possibilidade de exportação:

Mega Visions: Tem havido muita empolgação dos fãs da SEGA de fora Brasil sobre isto. Tenho certeza que vocês veem muitas pessoas pedindo para a Tectoy lançar o novo Mega Drive fora do Brasil. Há alguma possibilidade? Sabe, de um ponto de vista comercial? Vocês tem planos de vendê-lo online para fora do Brasil?

Stefano Arnhold: Bem, segundo os nossos acordos, temos os direitos para os nossos mercados. Portanto, nós não discutimos realmente com a SEGA sobre a possibilidade de exceções. No passado, já aconteceu de estarmos produzindo o Master System para alguns distribuidores da SEGA em países como Portugal e Egito.

Precisaríamos pedir à SEGA por uma isenção e eles nos dariam uma carta na qual poderíamos enviar um volume específico para clientes específicos e para territórios onde não temos os direitos. Talvez possamos resolver este problema.

MV: Da nossa perspectiva, seria muito legal ver um novo Mega Drive nos EUA ou Europa, porque o que vocês fazem é bem diferente do que vemos por aqui no momento, com esses micro consoles que (geralmente) não são muito bons.

Arnhold: OK. Faremos uma anotação. Escreverei hoje à noite!

Então nós veremos se eles vão concordar, porque o que é realmente importante para nós é que somos uma empresa que sempre respeita os direitos das produtoras terceirizadas. Nós lançamos mais de 1000 softwares no Brasil, para várias plataformas, para mais de 50 produtoras diferentes. Então, só poderíamos exportar o Mega Drive para, digamos, a Inglaterra, quando e se a SEGA nos der uma carta dizendo que podemos fazer isso.

Abaixo, veja o que Arnhold respondeu sobre um relançamento do Sega Saturn ou Dreamcast:

MV: Tenho certeza que você sabe que comunidades online do mundo todo na América, Europa e Japão têm um amor imenso pelo Dreamcast e que há desenvolvedores que continuam fazendo jogos para ele, mesmo após 15 anos da SEGA ter descontinuado o console. A Tectoy já considerou fabricar ou licenciar sua própria versão do Dreamcast? Vocês já procuraram a SEGA para falar sobre isso?

Arnhold: Bem, nós nunca os procuramos pois a possibilidade econômica de tal aventura parece muito pequena agora.

Em teoria, sim, podemos fazer. Mas no momento, somos uma empresa muito pequena e a parte de negócios disso não faria sentido. Estamos perdendo algumas centenas de milhares de dólares com o Mega Drive. Tudo bem. Não é o fim do mundo e ainda existimos, certo?

E as comunidades estão o amando tanto, que tem valido cada centavo. Mas não iremos fazer o mesmo com o Dreamcast ou Saturn, pois demandariam um investimento realmente gigantesco.

Deixe sua Opinião

Deixe sua opinião

Seu e-mail não será publicado. Os campos * abaixo são requeridos.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Esqueci a Senha

Entre com seu nome de usuário ou e-mail. Você receberá pelo e-mail registrado um link que lhe criará uma nova senha.